Pedro Motta está na Seleção Brasileira nos Jogos Sulamericanos da Juventude, no Chile. Amanhã o nadador volta a nadar no revezamento em busca da quarta medalha

Três competições, três medalhas, sendo duas de ouro e a quebra de dois recordes. Esse é o saldo até agora do nadador ribeirão-pretano, Pedro Motta, 16 anos, da equipe N1/Moura Lacerda (Natação 1limitada/Centro Universitário Moura Lacerda) nos Jogos Sulamericanos da Juventude, no Chile.

Na tarde desta quarta-feira (4) Pedro Motta nadou os 100 metros costas e venceu com folga de 2 segundos o segundo colocado. O tempo de 57”05 lhe rendeu além da medalha de ouro, a quebra do recorde do Campeonato Sulamericano.

No sábado Motta havia conquistado ouro e quebrado outro recorde, o Sulamericano dos 50 m costas, com o tempo de 26″12. Na segunda ele caiu na piscina para conquistar prata nos 200 metros costas. Amanhã mais uma chance de medalha no revezamento brasileiro dos 4×100 medley.

Foto – Divulgação:

Comentários

comentários